segunda-feira, 11 de maio de 2015

Estrutura do Fio de Cabelo: entenda seu Cabelo

Olá amores,

Tudo bem com vocês?!

Hoje vim falar um pouco sobre a estrutura do fio do cabelo, afinal, precisamos entender para tratar.

Bom, todo fio tem uma estrutura básica, e é igual para todos os seres humanos, a única diferença é o fator genético que define as características do cabelo, tais como: Cacheado ou Liso, Loiro ou Preto, Fino ou Grosso, entre outras.

Mais a diante vou explicar um pouco de como é a estrutura do fio pra ficarmos expert nessa de cabelos..

Estrutura do Fio de Cabelo


O fio, tem duas partes com estruturas diferentes: a Raiz e o Fio.

Raiz:


Composição da Raiz do Fio de Cabelo


Através da corrente sanguínea é que chega na “papila” e no “bulbo” os nutrientes necessários para o desenvolvimento dos fios. As células que compõem o fio de cabelo são criadas dentro do bulbo capilar e assim os fazem crescê-los.

Uma dessas composições é a melanina, que é o pigmento que dá cor aos cabelos.

A medida que as células se multiplicam no bulbo capilar, vão “empurrando pra cima” as outras células, que à medida que vão subindo (ainda dentro da pele) criam a queratina, que é fibrosa e faz com que o cabelo se torne mais rígido e crie o formato de fio.

Ainda dentro da pele, há a glândula sebácea, que produz o sebo. O sebo possui duas funções principais:


  • Junto com o suor, cria uma barreira natural da pele, impedindo a entrada de agentes externos (produtos químicos, sujeiras, bactérias)
  • Lubrificar e criar uma camada protetora na parte externa do fio à medida que ele vai crescendo.


Fio:

Estrutura do Fio

A composição do fio é: água (cerca de 10%), lipídeos (cerca de 3 a 6%), aminoácidos (cerca de 14%) e o restante de queratina (cerca de 70 a 80%).

Está dividido em três partes principais: Cúticula, Córtex e Medula.

A cutícula 

É o envelope externo da fibra do cabelo. As células que a formam se chamam “escamas” e são extremamente pequenas e incolores. Elas são unidas por um cimento intercelular rico em lipídios, sobrepondo-se umas às outras como telhas, formando camadas de 3 a 10 células. Como as extremidades livres das células estão orientadas para a ponta do cabelo, elas podem exercer seu papel principal que é proteger o córtex. A cutícula é a parte do cabelo sujeita aos ataques diários e as propriedades cosméticas dos produtos para cabelo dependem de seu estado.

O córtex 

É o corpo real da fibra. Representando 90% de seu peso total, ele é formado por células preenchidas por queratina e é esta organização que dá à fibra suas propriedades marcantes. Ao longo da maturação do cabelo, estas células corticais se tornam alongadas e chegam a atingir cerca de 100 micrômetros. Arranjadas ao longo do cabelo, elas são mantidas por uma substância intercelular composta por queratina flexível, rica em lipídios. E é também no córtex que os grãos de melanina que dão cor ao cabelo são encontrados. A sua única forma de proteção é uma fina camada de sebo e a cutícula.

A medula

Ou canal medular, está situada no centro da fibra e sua presença ao longo do cabelo, geralmente, é descontínua ou até ausente. Parece que as células que a compõem rapidamente degeneram, deixando espaço para bolhas de ar. Em humanos, o seu papel ainda é desconhecido, porém, em alguns animais, esta estrutura alveolar parece possuir um papel essencial na termorregulação.


Lavagem e Tratamento do Fio


O fio do cabelo possui uma carga elétrica positiva. O shampoo, por sua vez, é composto de uma carga negativa para levantar as cutículas e poder remover as sujeiras que se escondem entre as cutículas.

Quando as cutículas do cabelo estão levantadas, elas se enroscam uma nas outras: por isso ele fica com um aspecto seco e embaraçado. Por isso o condicionador é fundamental para qualquer tipo de cabelo: ele fecha essas cutículas, fazendo com que o cabelo ganhe a maciez normal.

Além disso, ao encapar os fios, o condicionador deixa vitaminas e outros aditivos que ficam nos fios, e que vão ser absorvidos para o córtex e manter seus cabelos mais saudáveis.

O condicionador/máscara de cabelo é uma associação de diversos produtos que apresentam características que complementam o tratamento do cabelo.

O condicionador/máscara deverá possuir caráter catiônico, pois isto permite a sua fixação com a queratina.

Dependendo do tipo de cabelo e do tipo de xampu utilizado previamente, a composição de um condicionador/máscara pode variar, mas, em linhas gerais, ele deve apresentar as seguintes características:

  • Poder anti-estático - na redução da eletricidade estática, facilita-se o pentear, ficando o cabelo solto e relativamente macio;
  • Poder engordurante, pois em alguns casos o xampu desengordura em excesso e é necessária a reposição desta gordura sobre o cabelo e couro cabeludo;
  • pH ácido, pois normalmente o detergente aniônico aumenta o pH do couro cabeludo e, com a utilização de um produto ácido, o pH da epiderme volta ao normal (ideal entre 4 e 5).



Obrigada!
E espero que tenham gostado!

Bjuhs!






Nenhum comentário:

Postar um comentário